"; PlayWin.document.write(winContent); PlayWin.document.close(); // "Finalizes" new window // UniqueID = UniqueID + 1 // newWinOffset = newWinOffset + 20 // subsequent pop-ups will be this many pixels lower }

Domingo, Novembro 16, 2008

O implacável

No passado dia 14 de Novembro, o Presidente da República mostrou-se indignado pelo lançamento de ovos por alguns estudantes por ocasião, primeiro de uma visita da Ministra da Educação, e depois pelos seus dois secretários de estado, a duas escolas públicas.

Apraz-nos o sentido cívico demonstrado pelo mais alto magistrado da nação a propósito de atitudes assumidas por menores, mas gostaríamos de observar a mesma indignação presidencial perante figuras bem mais relevantes, que ocupam os mais elevados cargos na chefia do estado e que têm vergonha do seu próprio registo biográfico.

Pessoalmente, preferia vir um dia a suportar a vergonha por um filho meu ser apanhado a atirar ovos podres, do que passar a vida envergonhado por ser governado por governantes que têm nojo do seu próprio currículo.

Quem sabe, se a política educativa da ministra da educação e dos seus secretários de estado, não será mais culpada pela atitude daqueles menores, do que os pais e os professores desses mesmos menores?

Etiquetas: , , , , , , ,

Segunda-feira, Fevereiro 05, 2007

O que nos distingue

Dos outros animais é a posição hierárquica na cadeia alimentar. Nós não temos regras de etiqueta porque somos humanos. Temos estas regras porque dominamos a estrutura e com isso enchemos a barriga, dormimos quentinhos e não temos medo dos leões- eles não tem a chave de casa.
Imaginam um leão (já representativo de uma posição invejável) a preparar um babete que ampare os salpicos de sangue da carcaça de uma zebra? Não me parece.
Como nada fizemos para aqui chegar, visto que apenas herdámos esta conquista dos nossos antepassados, neste momento, qualquer associação de baratas seria suficiente para nos destronar.
É portanto legítimo dizer que devemos a nossa moral aos defuntos conquistadores que, segundo me parece, apenas souberam ser mais fortes e/ou mais inteligentes e/ou mais violentos.

Aritmética da moral:

Força Bruta+Astúcia+Violência Organizada=Princípios

Etiquetas: , ,


hits: